sábado, 7 de janeiro de 2017

A DEUSA BOLA, by Roberto Costa

A bola é a maior deidade em todo o planeta, reverenciada por crentes de toda e qualquer religião e também por ateus. Ninguém observa horas ou dias especiais para reverenciá-la. Em todo dia, seja útil ou feriado, reverenciamo-la com fervor; aliás, a todo momento.

Celebrei formalmente minha primeira comunhão com a bola aos sete anos de idade, num natal muito especial. Amarela, de couro, encontrei-a debaixo da cama entre outros presentes, mas foi a ela que abracei, de imediato e para sempre.

A bola, como entidade digna de nossa fé, não se importa de ser tratada com os pés, pois é sua vocação, é como se realiza. Faz apenas questão de ser bem tratada, com respeito, com carinho, e sofre com os chamados beques de estouro e com os grosseiros chutes de bico. Somente craques de altíssima capacidade técnica, à altura de um Romário, conseguem dar toques de bico sutis e carinhosos, e com isso reverenciar com devoção sua deusa.

Nós todos, profundos religiosos, verdadeiros místicos, sedentos pelos rituais de praxe, estamos sofrendo (e como!) com essa época de templos vazios. É quando não nos importamos com a celeridade do tempo, queremos é que os dias de janeiro voem, e que o representante de nossa paróquia retome as celebrações, para que possamos reverenciar de novo nossa rotunda e querida deusa, a bola.

* Roberto Costa é associado do Avaí FC 

2 Comentários:

Roberto disse...

ANDRÉ, o Tubarão contratou o experiente Renteria.
Não teria sido uma boa para o Avaí?
Não pode ainda vir a ser, para o Brasileiro? - RC

André Tarnowsky Filho disse...

RC,

Claro que sim.
É só uma questão de observá-lo no Catarinense.

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo