segunda-feira, 24 de abril de 2017

Bom dia, Azurras - nº 2.537

DESPEDIDA MELANCÓLICA
Bem diferente do turno, quando o Avaí entrou em campo para enfrentar o Internacional de Lages e pela nona vez em nove jogos, saiu invicto, o que vimos ontem, com muito esforço, foi uma despedida melancólica do returno, onde o Leão se contentou com uma mísera quarta colocação.

A derrota para o Inter de Lages, 2 a 0, era previsível, tal os desencontros de objetivos num só elenco. Se era para fazer testes, ótimo, mas que se preservasse alguma coisa da equipe "original", porque não se pode colocar na conta dessa gurizada que está subindo a responsabilidade de caiu em seus colos.

Ainda que considere a justificativa de estar na final como plausível para 100% de ausência, é uma política idiota (Alô, Ricardo Souza!) de poupar jogadores, que não me agrada. Por exemplo, Diego Jardel estava bem na equipe até ter uma lesão no ombro. Voltou ao time, muito mal, não estava pendurado, e ficou descansando. Do que, se estava muito mal?

Outro exemplo poderia ser o capitão Marquinhos, que também ficou descansando. Verdade seja dita, nenhum dos dois está rendendo absolutamente nada e poderiam tentar recuperar um pouco da confiança da torcida, mas...

Obviamente, esses que foram poupados ontem não estavam nem aí para a partida, talvez passaram o domingo ensolarado no aniversário de um tio, como aconteceu na partida contra o Brusque, ou num pagode regado a samba e cerveja. Quem duvida?

Verdade seja dita, sobre a partida de ontem, não temos o que comentar, mas muito por lamentar...




OS AMBICIOSOS E OS SEM AMBIÇÃO
"Os sem ambição analisam assim:
'valeu pelo esforço, pois nunca jogaram juntos uma partida oficial, e enfrentaram um adversário em sua casa lutando contra o rebaixamento e blá blá blá....'

Os ambiciosos, analisam assim:
'Pega todos que foram para Lages e empresta para a série C, pois até Vinicius Pacheco resolveu dar uma força para o Claudinei por não ter escalado no time principal como pedia o torcedor.

com mil problemas para entrar em campo, o inter não teve problemas para ganhar seu quarto ponto em cima do serie A, e se fosse no avai entregariam o jogo de 4 pois crise aqui é motivo de motim.

Para contratar vão em busca de jogadores destaques nos clubes.
Quem da série A virá pegar alguém desse time de hoje?
Pois é, se não servem pros outros, pra nós..........!!!!!!


Comentário do meu amigo Carlos Henrique da Rosa, o Carlos Avaiano, de quem não ouso discordar...




UM GOLEIRO, POR FAVOR
Creio que já cansei de falar sobre as condições de Maurício Kozlinski, a quem não deposito qualquer confiança para vestir a camisa 1 do Avaí no Campeonato Brasileiro da Série A. Simples assim.

No entanto, o "gente boa" Douglas também precisa definir o que quer da vida, e não sei se é continuar no Sul da Ilha. Porém, o que assisti pela TV ontem, Matheus Gütz, com todo o respeito que mereça, falhou bisonhamente nos dois gols...

Era estreia? Estava nervoso? A Ressacada não é condomínio de recuperação de ninguém...

Empresta ou manda estudar!




QUAL É A TUA, DEVID?
Pô, "brother"!

Quer ser jogador de futebol? Então não pode se borrar na fralda...

O que aconteceu com Devid ontem, aos 30 minutos do primeiro tempo, quando poderia ter empatado a partida, foi um dos lances mais patéticos que acompanhei nos últimos tempos...

E olha que não sou de queimar, nem cobrar dessa galera da base, mas o baiano de Alagoinhas (deve ser descoberta do Flávio Roberto), tem alguns meses de diferença na idade para o carioca Denilson, mas dentro de campo não há o que comparar...

Vai para o "Inacreditável Futebol Clube", o que acho uma palhaçada, mas Devid fez por merecer... 




PÉSSIMA RECOMENDAÇÃO
Num time de nulidades, quem também ficou devendo foi o jogador indicado pelo técnico Claudinei Oliveira, o volante ou segundo volante, Lucas Otávio, que se esborrachou no chão após o drible do jogador do Inter de Lages.

Outro lance patético da equipe do Avaí!

Aliás, parece que tem gente que não tem a mínima consideração e respeito pela torcida avaiana...




CANTEI A PEDRA
"Mas fica uma pergunta: por que não sair jogando com o lateral Léo FelipeGustavo Santos alimenta alguma esperança no técnico avaiano ou é o sobrenome que está mandando?"

Trecho da Bom dia, Azurras de ontem, onde salientei a ineficiência de Gustavo Santos, comprovada outra vez na partida de ontem...

Mas quero saber, se Battistotti ou Jocelli são "machos" para esclarecer, quem trouxe aquela nulidade chamada João Paulo de volta, depois de ter sido dispensado após a conquista do acesso à elite do futebol brasileiro?

Esse Avaí...




HÁ QUEM APOIE POUPAR JOGADORES
"Quando tu fala em política idiota de poupar jogadores tais levando em consideração que tivemos 8 jogadores no DM no 2º turno?

Até critiquei o Claudinei por ter poupado jogadores contra Londrina e Inter de Lages, mas depois que tivemos que jogar com Renato Junior, Ferdinando, Santarém, Vitor, etc. acho que ele não estava muito errado!"

Comentário do avaiano Ricardo Souza, que respeito, mas não concordo.




TEM QUE JOGAR
Falo em política idiota de poupar jogadores e levo em consideração todas as contusões que tivemos. São frutos de uma má preparação e até de jogadores com um histórico de lesão considerável, caso do Leandro Silva

A avaliação do elenco avaiano também deixou a desejar, ou o torcedor avaiano esperava melhor sorte com Gustavo Santos, João Paulo, Ferdinando, e outros tantos?


Diferente de muita gente, que estás queimando Renato Júnior, Santarém, e outros tantos da base, eles são do clube e precisam amadurecer, não resolver a incompetência da diretoria, que demorou, sim, para reforçar o elenco.





VAMOS JOGAR SEM BENGALAS
"O Avaí não precisa de ajuda, aliás, ninguém precisa. Curioso é que também no primeiro turno houve erros, a Chapecoense continuou sendo paparicada, o time da FCF continuou sendo ajudado, mas andamos com nossas próprias pernas e vencemos.

O que ocorre é que o próprio Avaí não se ajuda. Já há tempos estamos observando uma inércia nos corredores acarpetados da Ressacada (e curiosamente a mesma inércia não se repete no momento de "aparecer" na mídia), que levam a não haver reação, motivação e apuro para vencer jogos.

Se temos um time limitado, os jogadores se enfuncham mais ainda quando observam que seus superiores são gatos dormindo em cima do saco.


Enfim, vamos deixar de lado as bengalas e exigir que as soluções saiam de dentro do próprio clube."


O comentário do meu amigo Alexandre Carlos Aguiar, do blog Força Azurra, feito na semana passada, é extremamente atual. Assino junto. Nessa reta final, chega de lero-lero, é hora de ação!




VAIDADE É UMA MERDA
Sem discordar uma vírgula do que foi colocado pelo Aguiar, destacaria essa parte do texto, e até entendo que caiba uma reflexão: 

"O que ocorre é que o próprio Avaí não se ajuda. Já há tempos estamos observando uma inércia nos corredores acarpetados da Ressacada (e curiosamente a mesma inércia não se repete no momento de "aparecer" na mídia), que levam a não haver reação, motivação e apuro para vencer jogos."

Aliás, começamos a perde o rumo em função disso. Talvez alguns dirigentes tenham sido influenciado demais pelo oportunista Carlos Alberto Ferreira, aquele que pediu para voltar ao Avaí depois do acesso à elite...


Uma coisa é certa: tem muito dirigente que se deixou empolgar com o turno e não notou a carência do elenco...




ESQUECERAM DO ESSENCIAL
"Todos sabemos que o primeiro turno do catarinense, historicamente, se dá bem quem sai na frente, tanto na preparação física, como na manutenção do elenco e, neste quesito saímos na frente e fomos campeões. Já sabíamos também que para o segundo turno o bicho, como nos anos anteriores, iria pegar, e foi o que aconteceu.

Tivemos o returno inteiro para nos preparar adequadamente e contratar jogadores com qualidade superior ao que temos em um número mínimo de três, neste primeiro momento, para reforçar e irmos firmes e fortes para a decisão, e o que aconteceu?
"


Eu respondo: NADA!

O comentário entre aspas é do amigo e avaiano Ney Lúcio Félix, com o qual concordo, e a resposta é desse que vos escreve...

Ainda que o Avaí esteja "amarrado" por questões financeiras, ninguém desconhece a necessidade de contratar. E para ser campeão, ainda que estejamos na briga, E MUITO INTEIRO, poderíamos ter dado um "UP" na equipe de Claudinei Oliveira...




A MELHOR DE TODAS

De todas as "tiradas" da torcida avaiana, após o vexame em Lages na tarde de ontem, fiquei rindo um bom tempo com a grande sacada do avaiano Israel, do grupo da WhatsApp "Nação Avaiana":

"Volta só o ônibus"

Se formos analisar friamente, pelo que vimos em campo, ou melhor, pelo que não vimos, é isso mesmo, só traz o ônibus...




QUE VENHA A CHAPE!
Eu estarei lá!






Saudações AvAiAnAs!

10 Comentários:

Sandro Azevedo disse...

Só por curiosidade, qual será o prejuízo financeiro (já que não servem nem pra reservas) que este "grupo de Lages" causa aos cofres avaianos mensalmente????

Daniel Salles disse...

Na Copinha São Paulo 2017 tivemos diversos destaques, destaco alguns:

G - Léo Lopes
LD - Guga
V - Menezes (já jogou ano passado na série B)
V - Wesley
M - Lineker
A - Vinícius Baiano (Emprestado...)
A - Getúlio

Se é pra fazer teste e dar chances pra jogadores que dê pra quem se destacou na base! Gustavo Santos e companhia já mostraram que o melhor deles é aquilo ali mesmo, deu de queimar cartucho com eles...

Raniere disse...

André, é uma pena que estas coisas bizarras estejam acontecendo com o Avaí. Nosso clube tem "pedigree" de clube médio/grande mas insiste na mediocridade, que o faz se parecer como clube pequeno. Uma pena.
Grande abraço.

André Tarnowsky Filho disse...

Mô quiridu Dr. Sandro,

Essa pra responder, só perguntando no Posto Ipiranga...

André Tarnowsky Filho disse...

Daniel Salles,

Tens razão, e o grande destaque, V.Baiano, vai se dando bem no Fortaleza...

Roberto disse...

Já faz tempo, muita gente dizia que Menezes merecia uma vaga no time titular, e isso não aconteceu, nem como experiência.
Baiano foi um dos destaques do time na Copinha, não ganhou uma chance sequer. Enquanto isso, seguimos aguentando D. Jardel, que não tem mais o que evoluir. - Tá feia a "coza". - RC

Ricardo Souza disse...

Reitero minha posição de não criticar o Claudinei por poupar os titulares, ainda mais com a atuação dos reservas ontem...

Quanto ao questionamento da presença do Diego Jardel, pelo que foi divulgado na rádio antes do jogo contra o Barroso o único jogador que não tinha cartão no time que saiu jogando era o Marquinhos. Portanto além dos pendurados, tinham 5 jogadores com um cartão amarelo e se tomassem cartão nas últimas duas rodadas entrariam na final pendurados.

André Tarnowsky Filho disse...

RC,

Para teceres esse tipo de comentário, não sabes que o Menezes e seu empresário tentaram puxar o tapete do Avaí. Empresário safado e jogador jovem sem noção, que se deixou levar. Felizmente o Avaí conseguiu contornar e hoje ele está à disposição do time principal outra vez.
Quanto ao Vinicius Baiano, também não entendi, foi emprestado ao Fortaleza e está se dando muito bem...

André Tarnowsky Filho disse...

Ricardo Souza,

E eu continuo não concordando com essa balela de poupar um time inteiro. Ontem, diga-se de passagem, uma exceção, visto que temos a final pela frente, mas no turno foi palhaçada...
Uma coisa é certa: se quiserem marcar seus nomes na história, a hora é agora!

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo