terça-feira, 16 de maio de 2017

Bom dia, Azurras - nº 2.559

100% VIU, MENOS ELE
Na Bom dia, Azurras de ontem, escrevi que para o segundo tempo, o Avaí foi buscar a vitória, apesar das muitas dificuldades, poderia ter um pênalti claro marcado a seu favor, o que não aconteceu em função da decisão do fraco árbitro paranaense.

Diria ainda que numa partida igual, de fraco nível técnico, a marcação dessa penalidade máxima poderia ter sido decisiva para as pretensões do Leão, lhe deixando na primeira parta da tabela de classificação.

Por oportuno, de todos os programas de esportes que acompanhei de domingo até ontem, todos foram unânimes em classificar como absurda a não marcação da penalidade. Simples assim.




INDIGNAÇÃO
Para deixar a torcida avaiana ainda mais indignada, e este blogueiro está incluído, fica ainda mais difícil entender a decisão do árbitro Felipe Gomes da Silva, de ignorar a penalidade, visto que ele estava muito em cima do lance, já entrando na grande área.

Nos mais variados vídeos que recebi, é fácil perceber a proximidade do árbitro junto ao lance penal, mas mesmo assim mandou o jogo seguir...

Quer queiram ou não, por essas e outras, muita gente prefere se afastar dos estádios, até pelo que testemunhamos na história recente do futebol brasileiro e aqui em Santa Catarina, quando um árbitro interferiu diretamente na decisão.

Lamentável!





ARBITRAGEM - BDA nº 2.558 - 15/05/2017
Não vou me alongar no assunto, mas não tenho dúvidas de que houve penalidade máxima sobre Júnior Dutra e o árbitro paranaense deve responder pelos seus atos, ou a falta dele...


Vou ser bem direto, como fui com os amigos após o lance e nos comentários de "boteco": lance claro, com intuito de marcar uma das equipes destinadas ao rebaixamento. Simples assim.




ABERRAÇÕES
"É na aberração que a má índole do mediador se torna visível. Existem os lances difíceis em futebol, que se pode entender como erro propriamente dito, não é à toa que ganha corpo a intenção de uso da eletrônica, mas o lance nítido, aquele de contornos inconfundíveis e que o mediador teima em "errar", esses são aberrações. O gol anulado em Chapecó, pelo Daronco foi lance de uma clareza solar, gol perfeito, mas invés de apontar o centro do campo, ele apontou qualquer coisa dentro da área, que nem ele saberia definir, e ninguém o assediou, para que dissesse sobre a aberração."

Para quem ainda não leu, sugiro que acompanhe o texto do meu amigo Roberto Costa, 'CHEGA DE PASSIVIDADE', clique e confira, onde com outras palavras, outros exemplos, abordou exatamente o que colocamos na nota anterior.

Ou o Avaí abre bem os olhos, ou seremos prejudicados a cada rodada e contra qualquer time dentro da competição...




PRE-PA-RA
Também que pude acompanhar no noticiário esportivo, a batata do técnico do São Paulo, Rogério Ceni, está assando faz tempo. Por isso mesmo, depois de perder na estreia para o Cruzeiro, 1 a 0, em Belo Horizonte, a partida da segunda rodada está cheia de grandes expectativas, com o Tricolor paulista na obrigação de vencer, até para preservar o pescoço do técnico.

Raí, meia de qualidade que defendeu o São Paulo e a Seleção Brasileira, foi chamado para dar uma "força" ao ex-colega de equipe, mas nunca é demais lembrar que a partida da segunda rodada deles é justamente contra o Avaí...

Lembrando uma música de Anita, por quem não nutro nenhuma admiração, é interessante o Leão se preparar direitinho, que a pressão vai ser enorme...




INCOMPETÊNCIA E DESCONHECIMENTO - BDA nº 2.555 - 12/05/2017
Para quem não sabe, é justamente no Dia das Mães, segundo domingo de maio, que os restaurantes da Ilha batem seus recordes de frequência,  tal a demanda para que as mamães não cozinhem nesta data. Na verdade, uma grande confraternização...

Dessa forma, é imperdoável, tosco, que o departamento de marketing do Avaítenha se habituado apenas a captar mensagens "mela-cuecas" de ex-jogadores, sem se envolver com o momento do clube, e mais que isso, desconhecendo a realidade de seus torcedores, no caso em tela, abrangendo todas as torcidas...

Segue o baile com promoção no "setor H", tipo "copei-colei"!




RESULTADO PREVISÍVEL
Depois que escrevi a nota acima, conversei com alguns amigos sobre o assunto, obviamente com um teor ainda mais crítico. Com o Alexandre Carlos Aguiar, do blog Força Azurra, que nem foi ao jogo, disse que esse domingo seria complicado chegar ao estádio em função da confraternização que mencionei acima.

Quando conversei com Adriano José Assis, do Assis Azul, cheguei a chutar que, quando muito, teríamos 5.000 torcedoresEu não estava errado!

Mas ontem, para me deixar extremamente "comovido", vi e li uma homenagem do Avaí pelo twitter pela passagem do "Dia Internacional da Família", que eu nem sabia que existia...

Creio que a avaiana Cristina Niles se sentiria homenageada se tivessem lembrado do "dia do Assistente Social", comemorado ontem, mas...





O SEGUNDO PIOR PÚBLICO
Não foi por acaso que o público na Ressacada foide apenas 4.798 torcedores, ainda que alguns especialistas tenham dito que nada justifica um número tão reduzido, até porque esses idiotas parecem que não tem mãe ou foram chocados...

Ocorre que o público da Ressacada foi superior apenas do de Ponte Preta 4x0 Sport, com 3.104 torcedores. Em condições normais de "temperatura e pressão", creio que o público poderia ter sido superior até ao de Cruzeiro 1x0 São Paulo, que foi de 6.528 torcedores, muito pouco pela grandeza das duas equipes e de Belo Horizonte.




QUATRO GOLEADAS, QUATRO MENTIRAS
A primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série A foi marcada por duas goleadas, Bahia 6x2 Atlético-PR, Ponte Preta 4x0 Sport, Palmeiras 4x0 Vasco da Gama, e Coritiba 4x1 Atlético-GO. Mas qual a razão das "mentiras"?

Em Salvador, uma partida igual até os 40 minutos do primeiro tempo, quando o Bahia empatou, 2 a 2, e fez mais 3 gols na sequência, em seis minutos. Em Campinas, a Macaca enfrentou um Sport que poupou jogadores para a final da Copa do Nordeste, que lhe custou caro. Em São Paulo, o Porco atacava e fazia, enquanto o Vasco não conseguiu converter em gols as oportunidades criadas.

Ontem, o Atlético-GO foi operado em Curitiba. Perdia de 1 a 0, quando teve um gol muito mal anulado. Como castigo pouco é bobagem, sofreu o segundo ainda no primeiro tempo. Quando diminuiu o placar com o obeso Valter, sofreu dois gols de falta, sem contar as chances perdidas para diminuir o placar.

Muita calma nessa hora. O campeonato está só começando...




DESIGUALDADE
Não é só nos profissionais que o Avaí vem sendo tratado de uma forma desigual, quer por arbitragens, quer pelos dirigentes da entidade que comanda nosso futebol. Diferente do que muitos divulgaram, a primeira partida da Copa do Brasil Sub 20, entre Avaí e Flamengo, foi marcada para o dia 18, próxima quinta-feira, e estranhamente, fugindo das "tradicionais" 15 horas, como vinha mandando seus jogos no Rio de Janeiro, o clube da Gávea marcou a partida para 21h15min, no estádio de Los Larios, em Duque de Caxias.

Por enquanto, ao menos que o Avaí se manifeste, a partida de volta será na Ressacada, dia 24, às 15 horas.

E olha que já vi torcedor se manifestando para que a direção do Leão coloque o jogo à noite para que a Nação Avaiana possa comparecer...







Saudações AvAiAnAs!

6 Comentários:

ManoelNilson disse...

Eu não me lembro de ter saído da Ressacada tão indignado quanto neste domingo, com o árbitro que não deu este pênalti sofrido por Júnior Dura. Das duas uma: ou aquele árbitro é muito burro ou muito safado. Ele estava bem perto do lance. Até parece "cobra mandada" ou simplesmente coisa de covarde.

Marcos Aurélio Cunha disse...

André, jogo do sub-20 vai ser transmitido pela Sportv. Acredito que por isso a mudança de horário.

Marcos

André Tarnowsky Filho disse...

Manoel Nilson,

Segunda opção: muito safado, uma verdadeira cobra mandada.

André Tarnowsky Filho disse...

Marcos Aurélio Cunha,

Salvo engano, assisti o anúncio na ESPN.
Mas tens razão, juntaram os interesses do clube com o da TV e levaram a partida para a noite.
Creio que até dia 28, deveremos ter mudanças no jogo de volta também...

Daniel Salles disse...

E pra completar a palhaçada tinha o "assistente" (que pelo visto estava lá só pra assistir o jogo) na linha de fundo com visão perfeita de frente pro lance, como acreditar que os dois erraram nesse lance? Não dá...

André Tarnowsky Filho disse...

Daniel Salles,

Muito bem lembrado...

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo