segunda-feira, 12 de junho de 2017

Bom dia, Azurras - nº 2.586

DOIS SENTIMENTOS DESAGRADÁVEIS
Fui para a Ressacada cedo, perto das 13 horas, até porque imaginava o belo público que teríamos na tarde de ontem. Fiz certo, visto que o público foi superior aos 13 mil torcedores, em que pese considerar que poderia ter sido bem melhor.

Uma passada na Toca do Leão do Marcos, outra no Fair Play do Flora, e uma outra na Barraca do Alemão, antes de entrar no mais belo e confortável estádio de Santa Catarina, sem qualquer favor...

Porém, por essas contingências do momento, acabei perdendo o "sinal" da telefonia móvel, fato comum nos arredores da Ressacada. Quando entrei no estádio, minutos depois, "resgatei" o sinal, e por consequência, as várias mensagens.

No entanto, entre as mensagens que chegaram, havia uma dando conta de mais uma internação de meu pai no Hospital de Caridade, a terceira desde 5 de abril...

Claro que a partida de ontem já não foi a mesma, ainda que tivesse permanecido no estádio...

Creio que o Avaí fez uma boa partida, dentro das suas limitações, creio também o Leão não chegou a ser tão ameaçado pelo Flamengo, pelo contrário, e até ousaria dizer que o empate foi um placar injusto.

Todavia, ainda que tivesse chegado em casa, assistido parte do programa "Troca de Passes", e nem Roger, nem André Risek, nem o gaúcho Serginho tivessem reconhecido o pênalti favorável ao Avaí, digo: foi muito pênalti!

A infração ocorre em cima, quando o jogador do Flamengo desloca o avanço do avaiano, que na velocidade, cai e não consegue concluir a jogada de gol. Tanto foi assim que o árbitro marca a penalidade máxima e imediatamente dá o cartão amarelo ao jogador flamenguista.

O que ocorreu depois, nem vale a pena comentar, mas certamente é por causas dessas coisas que a torcida se afasta cada vez mais dos estádios...

Não bastasse a internação de meu pai, mais um "roubo" na Ressacada...




PIADA PRONTA
O amigo Ricardo Anésio, da Palhoça bonita por natureza quem testemunhou e relatou aos blogueiro: os homens da arbitragem, todos vindo do Mato Grosso do Sul, chegaram ao estádio trazidos por uma Van, cujo motorista vestia a camisa do clube carioca...

Provavelmente por isso, a arbitragem tenha sido tão "tão"...

Não há como negar, o Flamengo foi extremamente favorecido na partida de ontem, livrando-se da possibilidade de dormir o domingo na zona de rebaixamento...




MÊS DE 90 DIAS
É claro que estou muito preocupado com a situação do Avaí no momento, assim como já tenho muitos problemas na família para serem administrados, mas não poderia de deixar de me solidarizar com o Zé Love, após sua manifestação nas redes sociais...

Quer dizer que "doladelá" o mês tem 90 dias?

Não duvido que o meia Marquinhos, do Avaí, seja convocado outra vez pela rede zelotes para desviar o foco dessa crise, que é crise mesmo, e sem "din-din"...







Saudações AvAiAnAs!

30 Comentários:

Carlos avaiano disse...

Bom dia amigos
Pagam uma fábula de cota pros caras montarem um time nível seleção e ainda precisam de ajuda contra um time limitado?
A mãe deles estão boas né?

Roberto Wendhausen disse...

Esse ano vai ser mais difícil para o nosso Avaí...
Além de ter que enfrentar 19 equipes, dentro de campo, em turno e returno, parece que não seremos páreos para os jogos de bastidores que, já vemos, estão bastante movimentados.
Será que estamos ali para assistir uma partida de futebol de um campeonato sério ou se somos um bando de palhaços, perdendo tempo, numa competição de cartas marcadas? Maracutaia descarada!
Há muito que se 're'pensar!

Quanto ao Sr. Tarnowsky, que tenha pronta recuperação para voltar a convivência familiar!
Grande e fraternal abraço!


Tiago Soares disse...

Chego a me emocionar indo pra ressacada, vendo aquela multidão de manezinhos indo todos a caminho em pró de uma paixão, que aprendemos a amar desde criança... Enfrentamos todas adversidades que superamos para ver nosso clube de coração, ai durante o jogo sempre esses "erros" da arbitragem. Entristece de mais, desmotiva. Os clubes grandes e toda uma estrutura que fazem eles serem grande, não deixando menores chegarem pra dividir a fatia do bolo deles que são gigantes. São 6 rodadas, 3 já fomos prejudicados diretamente , penalty que até torcedor do estreito daria contra o vitória faríamos 3 pontos, contra a chapecoense primeiro gol deles o rebote estava estava impedido, apesar que aquele jogo fizemos por merecer a derrota, agora ontem mais 3 pontos perdidos contra o grande Flamengo de Juan, Diego, Damião volta atrás de um penalty que foi. E se a reclamação fosse do capa, Rômulo e alemão, pedindo pra voltar atrás em um lance??? Aceitariam opinião de fora ? Perco dinheiro, tempo, para ver a minha paixão de criança todo jogo ser prejudicada, já não basta essa má distribuição de renda entre os clubes, ainda precisa todo jogo uma arbitragem tendenciosa prejudicar o time que não se encontra entre os "grandes"? Último ano nosso na série A, foram muitos erros contra nós, de cabeça já vem os jogos contra Sport, Corinthians, chapecoense etc... Mas a mídia até hoje fala de um bola que saiu por cm que resultou em um gol contra o Flamengo naquele ano. Triste !!!
Sempre estimanso melhoras ao seu pai andre, força a todos.

Sandro Azevedo disse...

Estão legalizando a manipulação de resultado!!!

Guilherme P. Flemming disse...

Melhoras ao patriarca da família Tarnowsky, grande abraço!

JAISON EDUARDO disse...

O futebol me desanima a cada dia, difícil ir ao estádio. Bom te ver, saúde e melhoras pro teu pai André. Abração

Carlos avaiano disse...

Lava rato (jato) no futebol sacanagem e manipulado jå.
André filho, força e bênçãos de Deus na recuperação do André pai.

Marcio disse...

O futebol é reflexo do que aconrece na política do país...
Corrupção... tráfico de influências...mídia vendida...máfia organizada...
Não havendo uma reviravolta, o futebol definitivamente perderá credibilidade, assim como acontece com a classe política brasileira, e o esporte será largado de lado pelo povão esclarecido...

Fernando TS disse...

A atuação da equipe de arbitragem ofuscou mais uma vez o bom futebol apresentado pelo Leão em seus domínios. Uso a locução adverbial “mais uma vez” me referindo ao “maior pênalti da história”, o qual não foi marcado na primeira partida do brasileirão (Avaí x Vitória).

Contudo, como sei que esse será o grande tema da semana, deixo aqui registrado o meu pensamento sobre o futebol do nosso time propriamente dito: os jogadores do Avaí são realmente esforçados. Todos os atletas são raçudos e demonstram muita disposição. O problema é que “só” a raça não será suficiente para alcançar o nosso objetivo de manutenção na Série A. Os jogadores são brigadores e se doam em campo, saem extenuados, mas precisamos de mais. Atletas com maior nível técnico (Jr. Dutra, Marquinhos, Juan e Maicon) terão que acertar o pé. Além disso, precisamos de um 9, um cara que conheça muito bem os atalhos da grande área.

Finalizando, muito tem que ser mudado para moralizar o nosso futebol. O Juiz não constou absolutamente nada sobre a anulação do pênalti em sua súmula. Por pura vingança, afirmou que o Avaí voltou dois minutos atrasado do intervalo. Ainda teve a petulância de justificar os 06 minutos de acréscimo com as substituições e lesões. Sacanagem pouca é bobagem.

Abraços aos amigos avaianos!

Fernando TS

Raniere disse...

André, desejo melhoras para o teu pai.
Sobre a penalidade, olhando a repetição do lance pela terceira vez e de um outro ângulo, não tenho a convicção de que ela realmente aconteceu, mas a imprudência do jogador "urubuzino" deu motivo de sobras para que o árbitro apitasse o lance sem ter dúvida nenhuma. E se ele confirmasse a penalidade, não seria considerado um erro crasso, visto que foi necessário aos comentaristas da TV, com todo o recurso disponível, olhar a repetição do vídeo mais de uma vez para que uma opinião sobre o lance fosse confirmada.
Conforme um comentarista da Sportv, que não é o ex-jogador boçal, os tempos de exibição da repetição dos vídeos durante a transmissão da globo e do momento do apito até o cancelamento do lance é o quase o mesmo, levando a uma suspeita de interferência externa no lance. A FIFA proíbe isso! O Avaí não deve ficar parado. É hora de agir!
Sobre o jogo, é inegável que o time azurra melhorou um pouco, mas está muito aquém de quem não quer se rebaixado. Não vejo espaço para Juan e Marquinhos juntos. O time precisa de mais velocidade, maior precisão nos passes e ousadia (não existe no time). Pedro Castro? Táqueopareo! Pelo o que mostrou nestes minutos em que jogou, há jogador na base avaiana que renderia muito mais. Cadê o tal núcleo de inteligência?
Reforço o desejo de pronto restabelecimento do Seu Tarnowsky!
Grande abraço.

Aldojan disse...

André, bom dia!

Primeiramente desejo uma rápida recuperação ao seu pai.
Com relação ao jogo, nada de novo na dúvida os safados estão marcando para o time "grande". Não podemos só depender do Rômulo para fazer gols, nosso time até cria mas não reverte essas chances em gols.

Abraços

Luiz Augusto da Costa disse...

Há que se lastimar o esforço descarado que estão fazendo pra rebaixar o Avai.
Não sei qual a razão, mas tudo parece tão claro que é difícil não acreditar nisso.
Começa pela informação que vi no WhatsApp, de que os árbitros foram levados ao estádio, em uma van, cujo motorista vestia a camisa do Flamengo.
Tem problema isso? Talvez não, mas dá razão pra desconfianças, principalmente, em país no qual se vê Juiz e réu passeando no mesmo avião, antecipando, de forma inequívoca, a absolvição.
O que fez o árbitro do jogo ontem, foi algo inusitado, que não ocorreria com qualquer outro clube, quiçá em qualquer outro estádio.
Só acontece na Ressacada, a casa da Mãe Joana, onde está liberado geral, para que os árbitros possam desfilar, sem problemas, os seus "erros", suas incompetências, seus desequilíbrios psicológicos, suas vontades de "ajudar", sempre, os grandes, preservando o volume de jogos nos quais trabalhar e, a impunidade reiterada semanalmente.
Não posso afirmar que foi pênalti, ou que não foi, mas a grande maioria das pessoas que se referiram ao caso disse que não houve a penalidade.
Então, não assinalar a infração estaria correto.
O que não foi correto, então?
O que não foi correto foi a lambança, o teatrinho armado para burlar as regras do futebol, no que diz respeito à utilização de informação externa, para voltar atrás e invalidar a marcação da penalidade.
O que teria que fazer aquele imbecil, mesmo considerando a informação obtida de forma ilegal, era assumir a marcação que fez com absoluta convicção, tendo, inclusive, punido com cartão amarelo o infrator.
Considere, também, que se o pênalti tivesse existido, alguém de fora, interessado em outro resultado poderia fazer chegar às dezenas de árbitros inseguros e,ou mal intencionados, como foi o caso, uma informação, propositalmente, incondizente com a realidade, lastreando a mudança da decisão.
Ficaria, ainda maior, o festival de imbecilidades, pra ficar menos contundente, que nossos árbitros desfilam semanalmente.
Fica, então, bastante claro, porque a FIFA proíbe a utilização de informações externas, em jogos de futebol.
Então, o safado deste final de semana cometeu uma infração grave?
Bem, cometeu uma infração que seria grave, se fosse cometida contra um time grande, no caso, contra o Flamengo.
Contra o Avai é, apenas, um pequeno delito sem a menor importância e, longe de qualquer punição.
Ficam as punições reservadas ao Avai, caso se meta a engraçadinho e ouse reclamar.
Byghal

LUGO disse...

Não há dúvidas, penalti!
Como bem analisado, o defensor do Flamengo desloca o jogador do Avai, fazendo-o girar e perder o equilíbrio.
Só há uma pergunta a fazer, se fora da área acontecesse, seria falta? Eu mesmo respondo, sim e com direito a cartão amarelo, por estar indo em direção ao gol. Falta é falta e quando acontece dentro da área é pênalti.
Como foi pênalti, apitado e depois ANULADA, por interferência extra campo, as duas equipes tem que entrar em campo para a cobrança e a conclusão da partida.

Sebastião dos Reis Salvador disse...

Não tenho dúvida que os jogadores do Flamengo,num lance duvidoso, estão orientados para não deixar o jogo seguir até que venha informação da Globo.Isso já aconteceu o ano passado no jogo do FLa-Flu.O Sandro Meira Ricci anulou o gol do Flu após 10(dez ) minutos.Foi um escandalo.

Carlos avaiano disse...

Contra o vitória foi muito mais penalti e não usaram deste recurso.
????????????????
É de se pensar sobre um lava jato(RATO) nessas comissões de arbitragens, e quem ganha na loteria esportiva.

André Tarnowsky Filho disse...

Carlos Avaiano,

Exatamente assim...

André Tarnowsky Filho disse...

Roberto Wendhausen,

Creio que seja melhor perguntar no Posto Ipiranga...
Perfeita tua indagação.

Muito obrigado pela generosidade nas palavras em relação ao meu pai.

Grande abraço!

André Tarnowsky Filho disse...

Sebastião dos Reis Salvador,

Muito bem lembrado!

André Tarnowsky Filho disse...

Doutor Sandro,

É o que parece...

André Tarnowsky Filho disse...

Flemming,

Muito obrigado, amigo,

Abraço!

André Tarnowsky Filho disse...

Carlos Avaiano,

Muito obrigado. Estamos na torcida pela recuperação do pai.

André Tarnowsky Filho disse...

Jaison Eduardo,

Por essas e outras que os estádios estão ficando ainda mais vazios.

Bom te ver também, meu caro. Muito obrigado pela consideração com meu pai.

Abraço!

André Tarnowsky Filho disse...

Carlos Avaiano,

As loterias dos jogos pelo mundo andam funcionando a todo vapor, se é que me entendes...

André Tarnowsky Filho disse...

Márcio,

Estás coberto de razão. Essa perpetuação de dirigentes nas instituições do nosso futebol mostram claramente os resultados de campo, e nem precisamos ir muito longe, né?

André Tarnowsky Filho disse...

Lugo,

A teoria é exatamente essa, mas a realidade é bem outra, né?
Infelizmente para nós...

André Tarnowsky Filho disse...

Fernando TS,

Tens razão, é muita sacanagem num lugar só...

Abraço!

André Tarnowsky Filho disse...

Byghal,

Efetivamente, é muito esforço para rebaixar o Leão...

André Tarnowsky Filho disse...

Aldojan,

Muito obrigado pela consideração em relação ao meu pai.

Quanto ao fato de favorecerem apenas os grandes, e não só nos lances duvidosos, é mais antigo do que andar pra frente...
Não mudam!

Abraço!

André Tarnowsky Filho disse...

Tiago Soares,

Perfeito teu comentário, mas na verdade, esses safados que dirigem nosso futebol não querem saber de times como o nosso Avaí...
Pior ainda é a mídia corroborar com tudo isso...
E reclamam que nosso futebol vai mal...
Não se olham no espelho!

Muito obrigado pelas palavras em relação ao meu pai.

Abraço!

André Tarnowsky Filho disse...

Raniere,

Se no domingo tivemos essa suspeita de interferência externa, que é proibida, hoje não tenho dúvidas de que ela existiu...

Muito obrigado pela consideração em relação ao meu pai.

Abraço!

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo