quarta-feira, 28 de junho de 2017

Marquinhos suspenso pelo STJD por 4 jogos! Novas!

VERGONHA - BDA nº 2.577 (03/06/2017) 
Não acompanhei a partida Chapecoense 0x0 Cruzeiro, ao menos na íntegra, mas estive de olho nos 20 minutos finais, assim como prestei muita atenção nos melhores momentos da partida nos vários programas esportivos.

Em primeiro lugar, quero dizer que a Chapecoense não tem do que reclamar dos dois gols anulados, No primeiro, houve falta do atacante da Chape sobre o zagueiro da Raposa antes da bola entrar. No segundo, um impedimento claro, que dispensa maiores comentários.

Em segundo lugar, nada justifica, sob qualquer hipótese, as atitudes da Chapecoense, seja de jogadores, dirigentes ou de torcedores. Devem ser punidos, cada qual suas respectivas responsabilidades, com a devida suspensão, afastamentos e o clube com perda de mando de campo em função do comportamento de seus torcedores. Simples assim.




MAU CARÁTER - BDA nº 2.577 (03/06/2017) 
Já comentei aqui uma vez, e até nem queria voltar no assunto, mas não há como misturar aquela Chapecoense que se foi, de Cléber Santana, nosso capitão campeão de 2012, com esse amontoado de mau caráter, que se dizem jogadores.

Ouvir Rossi depois da partida ameaçar a arbitragem, é dose pra mamute! Sem contar aquele já denunciado pelo capitão do AvaíMarquinhos, no programa "Bem, Amigos", sobre a conduta de Wellington Paulista. Não vamos esquecer desse tal de Reginaldo, um boleirinho arruaceiro...

Pior ainda, e também já havia comentado sobre ele, foi a desfaçatez desse tal de Vagner Mancini, que pressionou a arbitragem depois da partida, e na hora do desespero, na zona mista, chutou a divisória do vestiário adversário, alegando que um "zé mané" tinha lhe atingido com um copo d'água. Hipócrita!




PRECEDENTE PERIGOSO BDA nº 2.588 (14/06/2017)
Após os fatos narrados nas duas notas escritas no dia 3 próximo passado, o que se tem a dizer é que o STJD abriu um precedente extremamente perigoso, visto que toda a mídia em sua totalidade criticou as barbaridades ocorridas em Chapecó, na eliminação da Chapecoense na Copa do Brasil, 0 a 0 com o Cruzeiro, mas tudo acabou em pizza, com todos inocentados...

No mínimo, a perda de mando de campo em algumas rodadas, principalmente pela pedra que atingiu o quarto árbitro Evandro Tiago Bender, nativo daquela cidade. Lamentável a decisão do STJD...

Porém, é bom ficarmos de olho nesses meninos do tribunal instalado no Rio de Janeiro, até porque o último safado que esteve na Ressacada expulsou Marquinhos, assim como relatou que chutaram o portão da garagem de acesso ao vestiário dos árbitros...

Quem viver, verá!

8 Comentários:

Pablo Antony disse...

André,

Concordo com você!
Agora quando o Marquinhos voltar, merece um banquinho também para aprender.

Vinicius Corrêa disse...

André por um lado vai ser bom, como muitos que comentam por aqui, acho que o time sem o marquinhos rende melhor!

Alexandre Carlos Aguiar disse...

4 jogos com vitórias. Excelente decisão.

André Tarnowsky Filho disse...

Pablo Antony,

O banquinho está esperando por ele faz tempo...

André Tarnowsky Filho disse...

Vinicius Corrêa,

Sim, foi o que vimos contra o Botafogo.
Não está "voando", como havia dito Joceli...

André Tarnowsky Filho disse...

Aguiar,

Só faltam mais 3...

Paulo disse...

Quatro jogos sem tentativas de gol olímpico !!

André Tarnowsky Filho disse...

Damian,

Posagora...
hehehehehe

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo