quarta-feira, 14 de junho de 2017

MUITO ESFORÇO CONTRA O LEÃO, by Byghal

Há que se lastimar o esforço descarado que estão fazendo pra rebaixar o Avaí.

Não sei qual a razão, mas tudo parece tão claro que é difícil não acreditar nisso.

Começa pela informação que vi no WhatsApp, de que os árbitros foram levados ao estádio, em uma Van, cujo motorista vestia a camisa do Flamengo.

Tem problema isso? Talvez não, mas dá razão pra desconfianças, principalmente, em país no qual se vê Juiz e réu passeando no mesmo avião, antecipando, de forma inequívoca, a absolvição.

O que fez o árbitro do jogo de domingo, foi algo inusitado, que não ocorreria com qualquer outro clube, quiçá em qualquer outro estádio.

Só acontece na Ressacada, a casa da Mãe Joana, onde está liberado geral, para que os árbitros possam desfilar, sem problemas, os seus "erros", suas incompetências, seus desequilíbrios psicológicos, suas vontades de "ajudar", sempre, os grandes, preservando o volume de jogos nos quais trabalhar e, a impunidade reiterada semanalmente.

Não posso afirmar que foi pênalti, ou que não foi, mas a grande maioria das pessoas que se referiram ao caso disse que não houve a penalidade.

Então, não assinalar a infração estaria correto.

O que não foi correto, então?

O que não foi correto foi a lambança, o teatrinho armado para burlar as regras do futebol, no que diz respeito à utilização de informação externa, para voltar atrás e invalidar a marcação da penalidade.

O que teria que fazer aquele imbecil, mesmo considerando a informação obtida de forma ilegal, era assumir a marcação que fez com absoluta convicção, tendo, inclusive, punido com cartão amarelo o infrator.

Considere, também, que se o pênalti tivesse existido, alguém de fora, interessado em outro resultado poderia fazer chegar às dezenas de árbitros inseguros e,ou mal intencionados, como foi o caso, uma informação, propositalmente, incondizente com a realidade, lastreando a mudança da decisão. 

Ficaria, ainda maior, o festival de imbecilidades, pra ficar menos contundente, que nossos árbitros desfilam semanalmente.

Fica, então, bastante claro, porque a FIFA proíbe a utilização de informações externas, em jogos de futebol.

Então, o safado deste final de semana cometeu uma infração grave?

Bem, cometeu uma infração que seria grave, se fosse cometida contra um time grande, no caso, contra o Flamengo.

Contra o Avaí é, apenas, um pequeno delito sem a menor importância e, longe de qualquer punição.

Ficam as punições reservadas ao Avaí, caso se meta a engraçadinho e ouse reclamar.
 
Byghal

* Luiz Augusto "Byghal" da Costa é associado do Avaí FC

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo