segunda-feira, 10 de julho de 2017

Bom dia, Azurras - nº 2.614

VITÓRIA PARA CRESCER
Ninguém negou que o todo poderoso Grêmio, então segundo colocado no Campeonato Brasileiro da Série A, era o grande favorito na partida de ontem à tarde, em Porto Alegre.
Tanto foi assim que comentamos sobre o fato do técnico Claudinei Oliveira, ciente das probabilidades do Leão, deveria ter uma postura mais defensiva, exatamente como vem fazendo em todos os jogos do Leão, mas nunca abdicando de "beliscar" o adversário...

E que beliscão!

Como era de se esperar, o Tricolor gaúcho foi senhor das ações, dominou o primeiro tempo inteiro, só não chegando ao gol em função das excelente atuação do goleiro Douglas, o melhor jogador em campo.

Mesmo assim, quis o destino que ainda no primeiro tempo o Avaí chegasse ao gol gremista, só não abrindo o placar por um chute descalibrado de Welligton SimiãoPorém, indubitavelmente, o Grêmio foi melhor na etapa.

Para o segundo tempo, logo aos 13 minutos, as coisas pareciam que não dariam certo para o Avaí. Um pênalti infantil cometido por Wellington Simião quase colocou tudo a perder...

Mas era dia de Douglas, e o goleiro avaiano defendeu a forte cobrança de Edilson, o que fez o Leão ficar mais ligado em suas possibilidades na partida.

Por questões óbvias, o Grêmio seguia mandando nas ações, com o Avaí tentando chegar ao ataque em pontadas esporádicas. Todavia, aos 27 minutos, num ataque muito bem tramado pelo Avaí, que teve a participação de Juan e Júnior Dutra, a bola chegou aos pés de Wellington Simião, que de fora da área, marcou um golaço, abrindo o placar para o Leão. Avaí 1 a 0.

Se o empate já não era bom para o Grêmio, perder em seus domínios seria ainda pior. E aos 40 minutos, o Leão consolidou sua vitória. Júnior Dutra recebeu uma bola na intermediária do Avaí, avançou em direção ao campo do Grêmio, serviu Willians Santana aberto na direita e recebeu de volta dentro da grande área para fuzilar o goleiro gremista. Avaí 2 a 0.

Depois disso, nada além de tentativas infrutíferas do Grêmio, com o Avaí administrando a ótima vantagem.

Como escrevi ontem, era hora do Leão ser forte, e foi, agora é o momento de crescer na competição.




O TIME DE CLAUDINEI OLIVEIRA
Como havíamos comentado, era muito provável que o técnico Claudinei Oliveira entrasse com a mesma equipe que começou a partida contra a MacacaDouglasLeandro SilvaAlemãoBetão CapaLuanJudson, Pedro Castro JuanRômulo e Joel.

E foi o que aconteceu!

Diga-se de passagem, com a vitória de ontem e basicamente este mesmo time, o Avaí conquistou 7 dos 9 pontos disputados...




AS ALTERAÇÕES  FEITAS POR CLAUDINEI
Para o banco de reservas, o treinador avaiano contava com 10 jogadores, a saber: KozlinskiAirtonGustavo, João Paulo, Wellington SimiãoLucas OtávioDiego TavaresMarquinhosJúnior Dutra Willians Santana.

A primeira substituição aconteceu aos 24 minutos da primeira etapa, Wellington Simião entrou no lugar de Luan, que saiu contundido. Aos 21 minutos do segundo tempo, foi a vez de Júnior Dutra substituir o atacante Rômulo. A última modificação veio somente aos 32 minutos, Willians Santana entrou na vaga de Juan.


Funcionou, funcionou mesmo!




WELLINGTON SIMIÃO EM 3 ATOS
Quando entrou para substituir Luan, imaginei que Wellington Simião daria mais ofensividade ao Leão, na tentativa de encontrar o gol. Diria que eu não estava errado, mas na primeira chance que teve para marcar seu nome, chutou a bola nas arquibancadas...

No início da segunda etapa, logo aos 13 minutos, um pênalti infantil que nem gerou reclamações dos jogadores do Leão, seria seu segundo ato...

Mas aos 28 minutos, o terceiro ato foi mesmo uma pintura: um golaço para abrir o caminho para a vitória avaiana.




DOUGLAS INTRANSPONÍVEL
Depois de fechar o gol contra o Botafogo, fazer uma partida segura contra a Ponte Preta, o goleiro Douglas simplesmente tornou-se intransponível na partida contra o Grêmio, ganhando as manchetes da mídia esportiva do Brasil inteiro.

Não foram duas, três ou quatro defesas difíceis, mas várias, inclusive uma penalidade máxima. Uma atuação de gala, que merece registro e o reconhecimento da torcida avaiana, que já nem pensa mais no goleiro Renan...




AS ALTERAÇÕES  FEITAS POR CLAUDINEI
Para o banco de reservas, o treinador avaiano contava com 10 jogadores, a saber: Kozlinski, AirtonGustavo, João Paulo, Wellington SimiãoLucas OtávioDiego Tavares, MarquinhosJúnior Dutra Willians Santana.

A primeira substituição aconteceu aos 24 minutos da primeira etapa, Wellington Simião entrou no lugar de Luan, que saiu contundido. Aos 21 minutos do segundo tempo, foi a vez de Júnior Dutra substituir o atacante Rômulo. A última modificação veio somente aos 32 minutos, Willians Santana entrou na vaga de Juan.


Funcionou, funcionou mesmo!




PÉ QUENTE
"Estamos indo para Porto Alegre, e somos pé quente, na primeira e última que fomos, ganhamos o Inter, 3x2, lembras?
Vamo, Vamo Avaííí!"

Recebi a mensagem do meu querido amigo Valdemir "Miro" de Ávila, à esquerda da foto, às 05h17min de ontem, quando estava partindo para a Capital gaúcha, com o filho Valdemir Júnior, à direita.

Como se percebe, estavam convictos na vitória do Leão!




EU JÁ SABIA
"Como se percebe, Reway foi o árbitro na primeira vitória do Leão nesta Série A, mas não tenho como não prever problemas para hoje. No clássico de 2015 por essa mesma competição, o árbitro interferiu diretamente no resultado da partida, deixando de marcar duas penalidades para o Avaí, uma sobre André Lima e outra sobre Eduardo Costa, partida que terminou em 1 a 1.

Vamos torcer para que tenha uma boa arbitragem e que traga mais sorte ao Leão, mas com o Grêmio tendo o prestígio que tem, o apito será mais um problema para o Avaí!"

E foi!

O que escrevi sobre a arbitragem na postagem de ontem, às 13 horas, clique AQUI e confira, se confirmou: o Avaí teve "amarelados" os jogadores Wellington Simião, Joel, Capa, Luan e Pedro Castro. Salvo engano, Luan recebeu o terceiro cartão e não joga contra o Coxa, o mesmo acontecendo com Joel, que levou dois amarelos ontem, sendo expulso.




E AGORA?

A conversa acima extraí de um grupo de WhastApp que participo. Confesso que fiquei intrigado com a reação dos participantes, mas tão logo perguntei o que havia acontecido, ficou mais fácil entender...

Gostaria de saber o que aquela velha raposa felpuda vai fazer de gracinha com o "1º lugar do Z4 da Série B"...

Ou será que vai deixar passar em branco? 

Afinal de contas, sábado tratou de tirar onda em cima do time do presidente que entrevistou no início da semana. Aliás, já está na hora de Francisco José Battistotti deixar de ser tão acessível e cobrar um tratamento diferente desses safados.





Saudações AvAiAnAs!

Patrocínio:

6 Comentários:

Raniere disse...

André, e lembrando o que eu tinha comentado aqui no BDA - "...A vitória no Rio de Janeiro foi um ponto fora da curva e, por isso, creio que não teremos um repeteco contra o Grêmio (tomara que eu queime minha língua)." E queimei!! Coza mash linda!!
Sobre o jogo, pela primeira vez, neste campeonato, vi o Avaí fazer um gol de contra-ataque num 3 contra 2. E será que precisaremos de muitas rodadas a mais para saber que Júnior Dutra é melhor que o fominha do Rômulo?
No mais foi uma vitória que, eu espero, sirva realmente para crescer. O Avaí bateu um dos 3 melhores times brasileiros da atualidade.
Que o jogo contra o coxa nos sirva para sair do Z-4.
Grande abraço.

Tiago Soares disse...

E vamos pelo "si"... Si os juízes não fizessem a diferença direta como bom jogo contra o Sport, Flamengo entre outros , si Maurício estivesse desde o começo do campeonato, si o treinador visse que Marquinhos não cabe nesse time desde o começo, si Luan fosse todo jogo substituído ainda no primeiro tempo, si alemao não fizesse seus lances bizonhos todo jogo... Estaríamos muito melhor, agora fique a esperança desse ser o momento dá virada, e a torcida que o time se comporte como nos jogos contra Botafogo e grêmio. Urraaaa leão!!

Maicon Borba disse...

Gostei do time no 2º tempo. Vamos ver se o Claudinei coloca o Júnior Dutra já no começo do próximo jogo, o Técnico acertou em não recuar o time quando fez 1x0, nem acreditei quando ele tirou o Juan e colocou o Willians. O técnico foi iluminado por algum ser interstelar.

André Tarnowsky Filho disse...

Raniere,

Assino contigo.
Foi uma partida épica.

Abraço!

André Tarnowsky Filho disse...

Tiago Soares,

O problema que alguns "se" do Sul da Ilha não conseguimos entender...

André Tarnowsky Filho disse...

Maicon Borba,

É verdade. Era tarde de Leão!

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo