terça-feira, 8 de agosto de 2017

Bom dia, Azurras - nº 2.641

CAMPEONATO DE ASTERISCO 
O primeiro turno do Campeonato Brasileiro terminou, ou melhor, quase terminou, visto que na verdade termina somente amanhã com a realização da partida Ponte Preta x Fluminense, válida pela 17ª rodada, mas assim que a partida terminar, o campeonato prossegue com um novo componente, o asterisco.

Sim, a única certeza que temos no turno do Brasileirão é que o Corinthians sobrou na competição, faturando a etapa com antecedência e uma margem de seguros oito pontos de diferença para o segundo colocado, o Grêmio, 47x39, que por sua vez mantém outros quatro pontos de vantagem para o terceiro colocado, o Santos, 39x35, que leva vantagem de uma rodada sobre o Palmeiras, quatro colocado, 35x32.

Porém, quando o Avaí entrar em campo para estrear no returno, no próximo sábado, dia 11, em Salvador, contra o Vitória, o asterisco estará de volta outra vez: a primeira rodada do returno começa no sábado, tem jogos no domingo, na segunda, mas só termina dia 23, quando jogam Chapecoense x Corinthians.

Infelizmente, se o panorama já não é muito favorável em termos de classificação, o Leão tem que ficar de olhos abertos com essas "ajeitadas" de tabela porque na alça de mira estamos nós.




A IMPORTÂNCIA DO JOGO QUE FALTA
Ontem comentei sobre o fato de que os outros resultados da 19ª rodada não foram favoráveis ao Leão, que terminou o turno com 4 pontos de diferença para o 16º colocado, justamente a Chapecoense, ou seja, das 19 rodadas que restam, o Avaí precisa de duas rodadas perfeitas para fugir da zona da degola.

No entanto, a partida que falta para fechar o turno, Ponte Preta x Fluminense, pode complicar ainda mais a vida do Leão. A Macaca está na 15ª posição com 22 pontos ganhos, enquanto o Pó de Arroz tem 25 pontos e está na 10ª colocação.

Uma vitória do clube carioca deixa a Macaca onde está, mas se houve empate ou vitória campineira, será mais um clube se afastando da zona de rebaixamento...




GLAMOUR E FUTEBOL
Não se poderia esperar muito da Chapecoense diante do Barcelona, ainda que toda a mídia nacional fizesse uma fumacinha para a "mais querida", que hoje já não convence muita gente com essa retórica de solidariedade. O 5 a 0 de ontem foi pouco, bom que se diga.

Hoje a Chape estará na França, para enfrentar o Lyon, e na semana que vem tem a Copa Suruga, no Japão, em 15 de agosto, quando joga contra Urawa Red Diamonds, sem contar que antes ainda passam em Dubai, nos Emirados Árabes, para um treinamento...

Muito glamour, divulgando a marca da Chapecoense, mas o futebol está literalmente em segundo plano, e até por isso, como já comentei em outras oportunidades, a Chape faz parte do campeonato do Avaí.




LEÃO DE OLHOS ABERTOS
Dia desses, mais precisamente no dia 31 de julho, escrevi na Bom dia, Azurras que a partir da partida contra o Santos, na Ressacada, no último domingo, o Avaí só jogará nos finais de semana, o que significa dizer que o elenco pode treinar um pouco mais e até descansar, sem aquele desgastes de jogo-aeroporto-jogo, sem tempo para respirar...

Citei os clubes que estarão disputando a Copa do Brasil, bem como a Libertadores,citei inclusive o exemplo da Chapecoense, que foi fazer amistosos fora do Brasil. Na volta ao Brasileirão, a Chape parte para uma maratona: Palmeiras em São Paulo, dia 20, Corinthians em Chapecó, dia 23, antes de enfrentar o Leão no dia 27, na Ressacada.


Hora do Leão jogar com o regulamento e a tabela embaixo do braço...




UM MÊS
De hoje até o próximo dia 8 de setembro, ou seja, um mês, é o prazo que os clubes tem para registrar novos atletas com intuito de participar do atual Campeonato Brasileiro da Série A

Sobre esse assunto, tenho duas convicções bem claras. A primeira, se seguirmos com o atual elenco e o "modus operandi" da diretoria, vamos sofrer até dezembro e o resultado final deve mesmo estarmos entre os rebaixados.

O segundo aspecto, fugindo do tipo de contratações feitas até aqui, se contratarmos um meia rápido, que jogue, não apenas faça figuração, bem como um volante que saiba jogar e não somente destruir jogadas, nossas chances de permanência aumentam consideravelmente.

Se tem um momento que se deve gastar é agora.




O BARATO SAI CARO
Quando comentei na Bom dia, Azurras de ontem que entendia perfeitamente as razões do técnico Claudinei Oliveira para não relacionar o lateral direito Maicon, até se encaixa no que abordei na nota anterior.

Bom que se diga, creio que Maicon poderia ser extremamente útil ao Avaí, mas parece que não quer, ao ponto de se juntar com dois pesos mortos do elenco, esquecendo do que deveria fazer...

Como disse ontem, é hora da diretoria tomar uma atitude, verificar quem está querendo ajudar o clube e expurgar quem não tem o mesmo objetivo de permanência na elite do futebol brasileiro.

Estamos atrasados outra vez!




REFLEXÃO
Assisti parte do primeiro tempo do festivo amistoso entre Barcelona e Chapecoense, e antes mesmo que qualquer ironia pelo resultado, final de 5 a 0, creio que ele serviu para mostrar as gigantescas diferenças entre o futebol que é praticado aqui e aquele que encanta a todos...

O futebol brasileiro hoje está muito mal representado, com equipes muito fracas, por isso essa oscilação de resultados. Aliás, pra mim não é novidade, ao ponto de ter criticado nesse espaço o futebol do Palmeiras de Cuca, campeão Brasileiro do ano passado, e do Grêmio de Renato Gaúcho, campeão da Copa do Brasil de 2016.

Ao que parece, o Corinthians quer se tonar uma exceção...





Saudações AvAiAnAs!

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo