domingo, 13 de agosto de 2017

COMO MANDA O FIGURINO, by Roberto Costa

Foi mais uma vitória do sistema Claudinei. Melhor dizendo, do sistema Claudinei aperfeiçoado.

Claudinei fazia seu time jogar em meio campo, só na sua metade do gramado, então jogava meio futebol. Felizmente acordou e passou a fazer a tal da "marcação alta", que outra coisa não é senão a pressão em cima da saída de bola do adversário, não lhe concedendo o campo livre para transitar até nossa intermediária, como fez em muitos jogos, para suplício de todos nós, torcedores.

É claro que os baianos, ainda animados com a boa vitória sobre o Flamengo por dois gols a zero, contavam que obteriam mais três pontos importantes impondo uma derrota ao Avaí. Talvez não tenham se dado contas dos bons e surpreendentes resultados obtidos pelo Leão da Ressacada nos últimos jogos e vieram pra cima, como era de se esperar.

Tudo saiu como manda o figurino. Jogando em casa, diante de sua torcida, era imperativo que o time baiano saísse pro jogo em busca de faturar os três pontos contra um Clube do seu campeonato. Então tivemos nós, torcedores do Leão, uma vez mais que assistir ao jogo com a mandíbula travada de tensão, diante do assédio do adversário, das bolas arremessadas sobre nossa área, dos cruzamentos de linha de fundo. 

Mas venceu a proposta do Claudinei, a sua equação, a mesma que abateu Botafogo, Grêmio, Cruzeiro, que resistiu a Corinthians, a Santos, a Bahia, e ontem derrotou o Vitória em sua casa. Se considerarmos a grandeza desses adversários, temos de admitir que as chances de permanecer na primeira divisão, mantidos esse espírito de luta e a postura mais avançada em campo, parece que se tornam mais consistentes.

Mas o bom, como se disse, foi que nosso treinador se tocou de que para atingir a meta mínima proposta por Batisttotti, a permanência na série A, terá obrigatoriamente de fazer gols, vencer jogos, então adotou essa nova postura, mais aguerrida, sem dispensar os cuidados defensivos, e com isso obteve esse resultado importantíssimo, promovendo uma noite de sono muito especial à galera azurra. Vencer é sempre muito bom. Vencer fora de casa é melhor ainda.

Muito estranha a arbitragem do jogo, deixando de assinalar dois pênaltis claros em favor do Avaí, bem como algumas faltas de meio de campo. Batisttotti diz que vai reclamar.

De parabéns toda a equipe, valendo destacar a atuação do goleiro Douglas, da dupla de área Alemão e Betão, do Capa e do Júnior Dutra. Rômulo precisa acreditar mais em si e controlar a ansiedade.

* Roberto Costa é associado do Avaí FC

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo