domingo, 17 de dezembro de 2017

Bom dia, Azurras - nº 2.771

EXPECTATIVA REDOBRADA
Como salientei ontem, o retorno do presidente do Avaí para Florianópolis na sexta-feira poderia trazer algumas novidades,  ainda que elas não tenham chegado ao domínio público, posso afirmar que existem muitas coisas encaminhadas.

Ao que parece, o "silêncio" no Sul da Ilha, orquestrado pelo presidente Francisco José Battistotti, poderá causar um tremor geral na mídia da Capital, que passou a semana bajulando o filho do senador, ex-boleiro dos bons...

Alguns menos afoitos já dizem que é coisa para se explorar o marketing "doladelá", enquanto que os mais realistas ficam envergonhados com a contratação de um "artilheiro" sem intimidade em colocar a bola na rede...

Por sua vez, pelo que soube de um "quero-quero" muito bem informado sobre as coisas do Sul da Ilha, muita coisa pode acontecer esta semana, e digo mais, não são apostas, mas nomes que tem o reconhecimento da torcida e da mídia.

Quem viver, verá!




REUNIÃO DO CD
A reunião ordinária do Conselho Deliberativo do Avaí, além de tratar sobre o orçamento para o ano de 2018, vai trazer alguma novidade sobre os preços das mensalidades, e pelo que consta, deve agradar ao torcedor avaiano.

Como comentei ontem, o orçamento será obrigatoriamente analisado, até porque é de praxe para a diretoria executiva saber com o que poderá contar. Sobre as mensalidades, fato que mexe com o bolso do torcedor, reina a maior expectativa.

Diriam alguns, dia 19 "todas as atenções" estão voltadas para a Ressacada...




TERCEIRA DERROTA EM MENOS DE UMA SEMANA
Não vou me alongar na análise da partida, até porque não me dei ao trabalho de acompanhá-la por completo, apenas dando uma atenção maior na segunda etapa, quando o Real Madrid brincou de jogar futebol contra o Grêmio.

Na quarta-feira, o Flamengo deixou escapar o título da Copa Sul-Americana em pleno Maracanã, para o Independiente, da Argentina. Na sexta, o Comitê de Ética da FIFA afasta por 90 dias o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero. E ontem...

Claro que o Grêmio teve seus méritos por chegar à final, mas não há dúvidas de que o futebol brasileiro precisa ser repensado.




FUTEBOL FEIO E INEFICAZ
No ano passado, escrevi muito claramente que o futebol do Palmeiras de Cuca, campeão brasileiro, nem o Grêmio de Renato Portaluppi, me empolgavam. Eram times comuns, de muita briga, mas de pouca técnica.

Este ano tivemos algo muito parecido. Na Copa do Brasil, o Cruzeiro de Mano Menezes, e no Brasileiro, o Corinthians de Fábio Carille. Não quero comparar qualquer equipe com o Real Madrid, mas ao menos a disposição tática poderia ser mais eficiente...

O futebol brasileiro, ainda que alguns se iludam com a seleção de Tite, está devendo e faz tempo...






Saudações AvAiAnAs!

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo