terça-feira, 30 de maio de 2017

SOMOS VISITA, by Byghal

O jogo de ontem, foi mais uma página triste, vergonhosa, que deveremos virar rapidamente.

Não temos um time com qualidade adequada pra encarar uma Série A, na qual atuam clubes que investiram, buscando resultados.

Mais uma vez, vale lembrar das condições financeiras do clube, mas não adianta entrar numa competição, já sabendo,claramente, que não teremos as mínimas condições de competir.

Nosso técnico já chegou no limite da incompetência, já mostrou tudo que sabe e, tudo que se dispõe a fazer, usando com maestria a sua teimosia e seus olhos fechados para a realidade.

Mesmo com o elenco que tem, o Avaí poderia jogar muito mais, poderia ser, mesmo, efetivamente, um adversário e, não, o prenúncio de três pontos fáceis pra todo mundo.

Somos o primeiro time a ser citado, mesmo no início do campeonato, pela imprensa de fora, quando se pergunta quem cairá.

É claro que não gostamos de ouvir isso, mas faz sentido, basta ver a falta de investimento e, o time se arrastando em campo.

A diferença do desempenho físico entre a Chapecoense e o Avaí, ficou bastante evidente, porque vimos o time deles voando, ocupando todos os espaços do campo e retendo a bola, enquanto nosso time se arrastava, jogando como se fosse uma pelada de final de semana.

Salvou-se o Betão.

Acho que o treino fechado do Claudinei não foi pra não mostrar o que é feito no treino, mas, parece, que foi pra não mostrar o que não se faz no treino.

Ninguém deveria saber, antecipadamente, que, no campo, teríamos mais do mesmo. 

Precisamos contratar, melhorar o nível técnico, sim, mas não adianta contratar vários jogadores bons e colocar nas mãos do Claudinei, seria o mesmo que dar bolacha pra desdentado.

Então, a melhora do desempenho do time do Avaí, deve começar por mudanças.

Alguém tem que ter coragem de chamar o Claudinei e exigir mudanças ou, caso isso não seja suficiente, trocar o treinador, lembrando que treinador é empregado e, não, dono do clube.

Contratar jogadores que venham pra jogar, que tenham ambição e, cuidar pra não transformar o Avaí em um asilo.

Estamos, ainda, na terceira rodada e, já temos os nossos sonhos mais distantes e menores, por força da realidade.

Pelo jeito, vamos continuar sendo visita na Série A.

Byghal.

* Luiz Augusto "Byghal" da Costa é associado do Avaí FC

2 Comentários:

Miguel disse...

“Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes”
― Albert Einstein

André Tarnowsky Filho disse...

Miguel,

Perfeito!
Muito bem lembrado...

Postar um comentário

A MODERAÇÃO DE COMENTÁRIOS FOI ATIVADA. Os comentários passam por um sistema de moderação, ou seja, eles são lidos, antes de serem publicados pelo autor do Blog.

Odontokist

Arquivos do Blog

  ©André Tarnowsky Filho - Todos os direitos reservados.

Modificado por Marcos TOTÔ | Template by Dicas Blogger | Topo